Social media:   fb  twitter  yt  slideshare
 ico mapa site Mapa do Site            ico rss Assine nosso Feed
04/07/18

Mesmo com calor extremo, indianas evitam beber água para não serem estupradas

"Às vezes, eu bebo menos - porque ela estimula a produção de fezes e o local que usamos para defecar ao ar livre fica cheio de rapazes. Tenho medo de ir lá."

Foto: The Hans IndiaFoto: The Hans India

O relato é de uma menina de 13 anos, moradora de uma favela em Nova Déli, capital da Índia, que retringe a ingestão de água e alimentos para ir ao banheiro uma vez ao dia. Quando vai, segue em bando com outras meninas e mulheres, no início da manhã ou no final da tarde.

Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), 524 milhões de indianos não possuem banheiro em casa e são obrigados a fazer suas necessidades ao ar livre todos os dias. Além de estarem expostos a péssimas condições de higiene, com mais chance de ficarem doentes, para as mulheres há ainda outro risco: de serem estupradas ou de sofrerem outros tipos de violência sexual.

Uma pesquisa da Fundação Thomson Reuters divulgada nesta semana mostra que a Índia é o lugar mais perigoso para mulheres, devido ao alto risco de sofrerem violência sexual e por serem forçadas ao trabalho escravo. Existem outros estudos que já apontavam para essa questão.

Ondas de calor
Além de todas a situação de insegurança e precarização da saúde, as mulheres acabam também tendo mais problemas por não tomarem o volume mínimo necessários. Elas desidratam e sofrem com os efeitos. ainda mais nas ondas de calor, que tornam o ambiente ainda mais quente. O calor aumenta quando cozinham dentro de casa e usam o traje típico do país - o sari, como é chamado o longo pedaço de tecido que envolve o corpo - também ajuda pouco.

Existe uma crise aguda de falta de água que faz com que as mulheres sofram ainda com a exautão de ter que caminhar no calor escaldante para buscar alguns litros, que carregam em potes sobre suas cabeças.

Um estudo de 2010, quando ocrreu uma forte onda de calor na cidade de Ahmedabad, no oeste do país, descobriu que as mulheres tinham risco de morte bem maior nesses períodos que os homens.


Comunicação CNTU
Com agências





Adicionar comentário

Ações

Uma iniciativa da CNTU em prol do desenvolvimento nacional e do bem-estar da população. São oito temas para ajudar a mudar o Brasil.

Saiba mais

Biblioteca CNTU

Um espaço para você encontrar facilmente informações organizadas em apresentações, artigos, legislações e publicações.

Saiba mais

AGENDA

Sem eventos
 SDS Edifício Eldorado, sala 108 - Brasília/DF

Tel (61) 3225-2288

© Copyright 2015 - Confederação Nacional dos Trabalhadores
Liberais Universitários Regulamentados 
Fundada em 27 de dezembro de 2006.